Wemos D1 – Um belo ESP8266 12e

Wemos D1
Wemos D1

“Parece mas não é”. Não é um Arduino, apesar de usar exatamente o mesmo formato da board.

Essa coisinha linda disfarçada de Arduino é nada mais nada menos do que um ESP8266-12EX, um ESP com blindagem sobre o processador, o que reduz interferências. Se você não conhece o ESP8266, digite ESP8266 aí na caixa de pesquisa do site e veja que beleza. Trata-se de um processador ARM com WiFi que trabalha em modo AP ou Station e pode servir conexão para seus hosts.

O fato de estar em um formato pseudo-arduino não muda nada em relação ao processador; ele continua operando a 3.3v não tolerante a 5v. A vantagem aqui está mesmo na disponibilidade do jack para fontes entre 9v e 24v, graças a um regulador de tensão na entrada, tal qual o Arduino o tem. A programação pode ser feita tanto pela micro-usb como por OTA (vou escrever um post exclusivo sobre esse assunto). Mesmo sendo um processador conhecido, devo me repetir e dizer que ele opera a 80MHz, que não é pouca coisa mesmo.

Mesmo aceitando shields, é necessário tomar cuidado para não cair em uma armadilha devido à incompatibilidade de tensão e corrente, o que acabar destruindo seu dispositivo.

A board tem uma descrição clara e excelente nos slots, mas de qualquer modo essa tabelinha pode ser útil, adiantando essas informação antes que você adquira a board.

wemos-specs

TX e RX também são pinos de IO, todos os pinos aceitam interrupções, PWM, I²C e one-wire, exceto o D2. Mais uma vez, T O D O S os pinos de IO trabalham à 3.3v e não são tolerantes a 5v.

Shield

O modelo mini possui alguns shields próprios. Já no modelo D1 padrão não tem nenhum shield específico e aí você poderá implementar código nos shields do Arduino, mas sempre prezando pela tensão e corrente ideais. Minha humilde opinião a respeito e também um conselho – use esse shield de prototipagem que inclusive vem com uma mini protoboard. Eu tenho vários porque é muito prático e você evita solda. Com isso, você garantirá tensão e corrente adeuqados baseado em seu próprio projeto. Ainda, se você não sabe calcular resistência e/ou não tem conhecimentos sobre tensão e corrente, não corra riscos.




No site do Wemos tem alguns links bem interessantes, como o de build de firmware online (que abre em russo e não encontrei opção de tradução nem no Chrome, mas É esse link), um site exibindo informações de sensores online,  um canal IRC web que você pode se comunicar em inglês apesar de a linguagem nativa ser russo.

Esse exemplo desse link vai te deixar morrendo de vontade, conversando com os russos durante a escrita desse post, percebi seu desagrado em relação ao desenvolvimento na IDE do Arduino, mas eles são muito gentis e prestativos em relação a informação, estou plenamente satisfeito e recomendo que utilizem esse meio de comunicação para tirar dúvidas.

Eles tem um MQTT online também para você brincar um pouco, então você poderá utilizar sua board para mais do que acender um LED pela serial nesse primeiro momento (se não sabe o que é o MQTT, recomendo que clique aí na caixa de pesquisa do site e digite MQTT.

Mais um trabalho deles pode ser visto nesse link.

Já no próximo post devo escrever a respeito de atualização OTA (Over-The-Air) com essa board pra dar um gostinho especial à sua utilização.

Siga-nos no Do bit Ao Byte no Facebook.

Prefere twitter? @DobitAoByte.

Inscreva-se no nosso canal Do bit Ao Byte Brasil no YouTube.

Próximo post a caminho!

Comments

comments

Djames Suhanko

Djames Suhanko é Perito Forense Digital. Já atuou com deployer em sistemas de missão critica em diversos países pelo mundão. Programador Shell, Python, C, C++ e Qt, tendo contato com embarcados ( ora profissionalmente, ora por lazer ) desde 2009.

Um comentário em “Wemos D1 – Um belo ESP8266 12e

Deixe uma resposta