Fonte para Raspberry Pi

power
power

Fonte para Raspberry Pi

Sabe aquela fonte para Raspberry Pi  ‘xisque’ do tablet, que é 5V@2A, que certamente não pode ter falha? Bem, eu não sei exatamente que palavra usar e também não sei como não utilizar adjetivo pra explicar, mas técnicamente falando, essas fontes são uma merda.

Comprei 2 dessas, uma não tinha corrente suficiente, a outra não tem tensão suficiente. E tenho outras fontes de 5V@1.8 e tralalá. Mas tudo merda, e só descobri por um acaso, porque ao ligar a RPi2 (que demanda mais corrente), percebi que o LED de energia não ficava acesso e só piscava de vez em quando. E deixei assim por meses. Agora por acaso estava pesquisando as opções de consulta de tensão da board e dei de cara com uma informação que abaixo de 4.65V o LED de alimentação apaga – ou seja, a board está subalimentada, correndo risco de danificar a placa porque todo o produto chinês é uma merda, sem excessão. A única fonte que parece prestar e está fácil de adquirir é esta fonte da Atera, que estou recomendando porque o Leonardo Lontra (do Rio de Janeiro) comprou nessa loja aqui do Ipiranga e testou no talo fazendo overclock e tudo. Então pessoal do RPi, não comprem porcarias, atentem-se às fontes para preservar vossas boards.

Agora, quer uma mega master blaster supimpa fonte? Se liga nessa aqui! Comprei e estou satisfeitíssimo! 4.8A 4 portas USB!

Monitorar a tensão





Se sua fonte for suspeita, você pode ver o status do LED de alimentação, que está no GPIO 35. Para isso, basta chamar o comando:

Você pode colocar um script pra rodar no cron, uma vez por minuto, coletando uma serie da amostras durante 5 segundos por exemplo (chame-o de powerMon.sh):

Editando o cron com ‘crontab -e’, adiciona-se a linha:

Não se esqueça de dar permissão de execução para o script:

Se o retorno do LED for OFF, então você já sabe que está com problemas. Invés de mandar para o log, você pode desligar a board. Ou fazê-lo adicionalmente, que é o ideal, mas o importante é preservar seu tesourinho.

Ainda uma dica visual; se aparecer um quadrado parecendo uma bandeira LGBT, é subtensão, logo, sua fonte não está aguentando o consumo. Se for um quadrado vermelho, é superaquecimento. Nesse caso, você poderia também estar monitorando a temperatura, com as dicas do post anterior, simplemente incluindo o comando no script de exemplo desse artigo.

Enfim, a dica é: Não deixe de adquirir uma boa fonte para Raspberry Pi.

Inscreva-se no nosso newsletter, alí em cima à direita e receba novos posts por email.

Siga-nos no Do bit Ao Byte no Facebook.

Prefere twitter? @DobitAoByte.

Inscreva-se no nosso canal Do bit Ao Byte Brasil no YouTube.

Nossos grupos:

Arduino BR – https://www.facebook.com/groups/microcontroladorarduinobr/
Raspberry Pi BR – https://www.facebook.com/groups/raspberrybr/
Orange Pi BR – https://www.facebook.com/groups/OrangePiBR/
Odroid BR – https://www.facebook.com/groups/odroidBR/
Sistemas Embarcados BR – https://www.facebook.com/groups/SistemasEmbarcadosBR/
MIPS BR – https://www.facebook.com/groups/MIPSBR/
Do Bit ao Byte – https://www.facebook.com/groups/dobitaobyte/

Próximo post a caminho!

Agregador de Links - Loucuras da Net

Comments

comments

Djames Suhanko

Djames Suhanko é Perito Forense Digital. Já atuou com deployer em sistemas de missão critica em diversos países pelo mundão. Programador Shell, Python, C, C++ e Qt, tendo contato com embarcados ( ora profissionalmente, ora por lazer ) desde 2009.

Um comentário em “Fonte para Raspberry Pi

Deixe uma resposta