Canivete suiço e pinouts bonitos para PIC, Arduino e eletrônica em geral

 

cardEm muitos casos é necessário alguma referência para pinagem de componentes, seja ele ligado a um PIC, Arduino, ou solo. É nessa hora que vemos o quão chato ou frustrante pode ser passar o diagrama do papel para o digital, para disponibilizar ou para nos referenciarmos – digo por experiência própria (ou talvez pela falta dela). Mas parece que essa condição de tristeza já tem seus dias contados.

Por acaso encontrei hoje esse magnífico site no qual o autor disponibiliza cards de pinagem dos mais diversos tipos sensores e CIs. Nem consegui ver tudo ainda, mas já decidi marcar de cara o destino dessas maravilhas para que todos nós tenhamos referências. Além disso, as utilizarei em meus posts certamente, porque são muito bonitas e claras.

Quem estiver interessado, acesse esse link e boa diversão!

Como abro duzias de abas, acabei perdendo a referência, mas tenho 99% de certeza que esse link eu consegui através do br-arduino, que é mais um blog espetacular do Augusto Carlos Campos, dono também do br-linux, Efetividade.net e outros excelentes blogs dos quais também desfruto.

electrodroid
E já que estamos falando de pinouts, não posso deixar de citar o ElectroDroid, que já utilizo há muito tempo e sem dúvida tem uma espetacular e ampla biblioteca de pinouts, além de calculadoras diversas, como de resistor, SMDs, lei de Ohms, reatância e mais uma enorme lista; acessórios como base de micro-controladoras PIC/Atmel, pinouts de CIs, especificações, padrões e um oceano de informações; plugins – programas de terceiros que agregam informações! De verdade, uma ferramenta fundamental para quem trabalha com Arduino/PIC/Eletrônica!




mikrocJá a minha terceira dica é sobre uma IDE fabulosa para desenvolver pra PIC em C, de forma bastante agradável e com muito mais bibliotecas do que para Arduino, além de exemplos em diagramas e códigos diretamente na IDE. Em sua versão gratuita, até 2k podem ser programados gratuitamente, mas confesso que adquiri uma licença dele, porque realmente é fantástico. Aos que não conhecem, este é o MikroC, da MikroElektronika.

Sempre que juntar dicas importantes, farei posts a respeito e quem sabe, se for de interesse geral e houver manifestação de vocês para tal, posso fazer um post com video mostrando a utilização de ferramentas, conforme solicitarem!

Se gostou, não deixe de compartilhar; dê seu like no video e inscreva-se no nosso canal Do bit Ao Byte Brasil no YouTube.

Prefere seguir-nos pelo facebook? Basta curtir aqui.

Prefere twitter? @DobitAoByte.

Próximo post a caminho!

Comments

comments

Djames Suhanko

Djames Suhanko é Perito Forense Digital. Já atuou com deployer em sistemas de missão critica em diversos países pelo mundão. Programador Shell, Python, C, C++ e Qt, tendo contato com embarcados ( ora profissionalmente, ora por lazer ) desde 2009.

Deixe uma resposta